BLOG COLETIVO, os temas são variados.
Tudo começou em 2004 numa comunidade de gente 'madura' do orkut, aos poucos cresceu a amizade e sintonia, apesar de vivermos em diferentes lugares. Participamos da comunidade fechada Jiló com Miolo no orkut, no Facebook, e no blog mostramos nosso 'espírito jiló'.

ATLAS

Ilustrações de Rubens de Azevedo e Percy Lau. 18a. ed. São Paulo: Melhoramentos, 1960. [A 1a. edição é de 1936. Conforme dados da editora, em suas 62 edições foram produzidos 2.158.990 exemplares.]

Este foi o primeiro Atlas que me caiu nas mãos, era meu! ganhei da minha tia, antes mesmo de ser pedido para usar na escola. Sou fascinada por atlas, enciclopédias e dicionários, passava horas "viajando" pelos livros quando era pequena, e continuo fazendo isso, agora além dos livros tem a [maravilhosa] internet.

Sou curiosa, gosto de aprender e descobri com as leituras de infância e adolescência que o mundo era muito mais do que minha pequena cidade natal no interior de São Paulo. Aprendi a buscar, a ansiar pelos lugares, pela vida.

Desde muito cedo eu 'pesquisava' sobre como viviam as pessoas nas várias partes do mundo. Os contos de fadas me levavam à Europa Medieval, o livro de catecismo me levava ao Oriente Médio, Monteiro Lobato me levava ao sítio da dona Benta com todos os visitantes de várias partes do mundo.

Na minha casa tinha uma estante com livros dos meus pais, os mais variados, desde poesias de Castro Alves às Aventuras de Tarzã. Tudo foi devorado. Meus tios também tinham estantes cheias de livros e lá eu ia buscar, encontrei Cronin, Jorge Amado, Heminngay, Agatha Christie, Machado de Assis, Truman Capote, e tantos que me falavam ao ouvido. Sim, porque parece que quando a gente lê alguém nos fala ao ouvido, é só para a gente, um mundo se abre na nossa cabeça e só pra nós, ninguém que esteja o mais perto possivel pode entrar nesse mundo.

A leitura é mágica porque nos faz viver vidas, ter experiências que nunca imaginariamos sem os livros.

E voltando ao Atlas, ele era colorido, cheio de bandeiras de todos os países, a geografia, o relêvo, rios, mares, geleiras, florestas, desertos... quanta coisa nesse mundo! não posso ficar parada!

Depois dos Atlas fiquei apaixonada por guias de viagem, comprei o que podia comprar, ganhei alguns, tenho uma coleção, boas lembranças de viagens e planos para futuras viagens estão dentro deles.

3 comentários:

Vivi Damásio disse...

eu ainda tenho um atlas desses aqui....

Regina Fernandes disse...

Ah! Que gostoso! Eu sempre gostei de histórias, mapas, aventuras, viagens. Também gosto de ler e amo viajar. Nada melhor do que alçar voo por esse mundão afora.
Bj

Jussara Gehrke disse...

pois eu sou louquinha por um aeroporto, uma estrada, uma caminhada... quero ver o mundo!